- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.515 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Por pressa de viver

Tiago Torres da Silva / Filipe Raposo
Repertório de Joana Amendoeira

Não se diz que um amor acabou
Por ter medo de o perder
Nem se esquece a lição que se ensinou
Por não querer mais aprender

Só eu sou assim

Como é que a boca pode dizer não
Se o coração diz sim?
Como é que eu sou capaz desta traição
Ao melhor de mim?

O tempo vai e volta devagar, as horas são ardis
Para quem te um tempo no olhar, outro no que diz

Não se diz que a paixão é amor
Só por pressa de viver
Não se pode sentir frio e calor
Na dor que vem do prazer