- - - - -

- - - - -
<> Clique na imagem e oiça Fado <>
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.685 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Omnipotência

Linhares Barbosa / Pedro Rodrigues
Repertório de Manuel de Almeida

Fosse a lua toda minha
Só minha propriedade
Buscá-la iria às alturas
Para ta dar inteirinha
Embora que a humanidade
Ficasse toda às escuras

Se num rápido segundo
O sol também fosse meu / Eu dava-te o sol também
Arrefeceria o mundo
Mas o sol seria teu / Só teu e de mais ninguém

Se as estrelas, todas elas
Aquelas que vês brilhar / Se fosse Deus, quero e posso
Eu ía arrancar estrelas
Delas fazia um colar / Para te pôr ao pescoço

Depois disto francamente
De te dar tanta grandeza / Não me quisesses por fim
Transformava-te em serpente
Porque assim tinha a certeza / Que te enleavas em mim