- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Conta errada

João Nobre / José Galhardo
Repertório de Amália

Aprendi a fazer contas, na escola, de tenra idade
Foi mais tarde, ainda ás tontas
que fiz contas com alguém
Eu e tu naquela ermida somamos felicidade;
Mas um dia fui seguida de traições que tem a vida
De horas más que a vida tem
Tinha um homem, fui tentada, s
omei outro, conta errada
Fiz a prova e não fiz bem

Um e um são dois... é
o céu talvez
Vem mais um depois... d
ois e um são três
Do total tirei... lição final
Somar bem, somei... mas no amor errei, fiz as contas mal

A traição, mesmo aos traidores faz contas, e contas certas
Multiplica as nossas dores, e divide uma afeição

Nesta altura, tu comigo tens contas ainda abertas;
Só te peço que ao castigo diminuas o que eu digo
Nesta negra confissão
Duma falsa que é sincera, q
ue te espera, mas não espera
Contar mais com o teu perdão