- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.500 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Os meus olhos cor de sonho

Ana Vidal / João Mário Veiga
Repertório de Joana Amendoeira

Nos meus olhos de criança
Nestes olhos cor de sonho
Trago promessas de esperança
E trago um mundo risonho

Trago nos olhos a vida / Sem saber o que vai dar
A minha vida vivda / Em cores de céu e de mar

Vivida em nuvens de fumo / Á margem da realidade
Numa corrida sem rumo / Em busca de novidade

Olhos verdes que não sabem / Quanto têm de profundo
Olhos meus aonde cabem / Todos os sonhos do mundo