As 5.180 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> POR FAVOR, alerte-me para qualquer erro que encontre <>
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *

* A seleção alfabética é da responsabilidade da blogspot !!!
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Minha Lisboa de mim

Nuno Gomes dos Santos / Silvestre Fonseca
Repertório de Kátia Guerreiro

Adormeci já faz tempo
Nos braços de um sentimento
Numa viela escondida
Era Lisboa varina
Uma Lisboa menina
Nos meus olhos acendida

Era então uma cidade
Onde à noite a liberdade
Tinha o fado por canção

Ai minha Lisboa, quem gosta de ti, é certo
Que ama o perfume tão perto de ti, tão perto
E o Tejo que borda com margens de amor este beijo
Que aflora a saudade, que à noite a cidade, aprende a viver
Na alma da gente que é gente e que sente esta vida
Lisboa cidade, Lisboa saudade da vida a valer
Em ti mergulhei os meus dias contigo
Vivi o melhor que há-de haver
Lisboa, vou amar-te até morrer

Eu aconchego os meus passos
Na saudades dos abraços
Que eu troquei com a vida
Por ti cidade, eu aposto
Que esta vida de que gosto
Teve Lisboa à partida

Era então uma cidade
Onde à noite a liberdade
Tinha o fado por canção