- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.170 LETRAS PUBLICADAS // 2.000.000 VISITAS // DEZEMBRO 2020

Atingido este valor // Que me faz sentir honrado // Continuo, com amor // A ser servidor do fado.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que nao constam do índice.

Caso encontre alguma avise-me, por favor.

Se não encontra o Fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

Como é bom ser avô

Valentim Matias / Pedro Rodrigues
Repertório de Valentim Matias

À mesa de um velho bar
Eu dei por mim a pensar
Como é bom ser avô
É algo de tão diferente
Que entra na alma da gente
E que a mim me fascinou

Somos de novo crianças
E regressam as lembranças / De um tempo já bem distante
Perdoamos travessuras
Vão-se embora as amarguras / Vemos futuro diante

Nova vida a começar 
Dá vontade de lutar / E de escolher novos trilhos
Brilho novo no olhar
E o desejo de ajudar / Os filhos dos nossos filhos

Quem diz o contrário mente
Ser avô é tão diferente / Em carinhos e afectos
E não há coisa melhor
Do que juntar com amor / Os avós, filhos e netos