- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.175 LETRAS PUBLICADAS // 1.930.000 VISITAS // OUTUBRO 2020

Atingido este valor // Que me faz sentir honrado // Continuo, com amor // A ser servidor do fado.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Se não encontra o Fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

Brinquedo de infância

Mário Raínho / Jaime Santos *fado alfacinha*
Repertório de Fernando Maurício

Tive um brinquedo em menino
Julgo que ninguém mo deu
Um cavalo pequenino
Mas que era somente meu

Não sei se foi minha mãe / Se esse cavalo me deu
Não sei até se o achei / Mas o cavalo era meu

Eu cavalgava, corria
/ No meu cavalo plebeu
E que feliz me sentia
/ Porque o brinquedo era meu

Hoje adulto já não conto
/ Em voltar a ser petiz
Mas em sonhos ainda monto
/ O meu cavalo, e sou feliz