- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Meu amor, minha rosa brava

José Luís Gordo / Mário Raínho / Fontes Rocha
Repertório de Maria da Fé

Meu amor, minha rosa brava
Meu silvado agreste e puro
Meu amor, minha casa, minha cama
Onde me deito e não durmo

Meu amor, minha rosa brava / Minha flor rasgando o chão
Meu amor que nos sonhos embalava / Nas horas de solidão

Meu amor, minha rosa brava / Ai meu mel dentro de mim
Meu amor, minha alma estrela d’alva / Roseira roseira, meu jardim

Meu amor dos sonhos abertos / Água-beijo que me lava
Quando a vida madrugava / Rosa-amor dos meu sentidos dispersos
Meu amor, minha rosa brava