<> Canal de rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça Fados

<> <> <>
As 5.850 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Deixa-me ser louco

Linhares Barbosa / José David Rosa *fado rosa*
Repertório de Fernando Farinha


Deixa-me encostar assim
Minha cabeça ao teu peito
Eu quero chorar por mim
P’lo mal que te tenho feito

Se eu enlouquecer de amor / Não penses na minha cura
Deixa-me andar ao sabor / De tão sagrada loucura

Diz ao mundo, ao grande zero / Que enlouqueci porque quis
Que sou louco, porque quero / Ser louco, p’ra ser feliz

Pede que não me enclausurem / Que me não dêm juízo
Remédios que me não curem / São a cura que eu preciso