- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.170 LETRAS PUBLICADAS // 2.000.000 VISITAS // DEZEMBRO 2020

Atingido este valor // Que me faz sentir honrado // Continuo, com amor // A ser servidor do fado.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que nao constam do índice.

Caso encontre alguma avise-me, por favor.

Se não encontra o Fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

Cabelo branco

Henrique Rego / Popular *fado mouraria*
Repertório de Alfredo Marceneiro

Mais uma noite perdida
Mais uma noite de fado
É mais um dia de vida
A recordar o passado

Amar demais é doidice / Amar de menos maldade
Rosto enrugado é velhice / Cabelo branco é saudade

Saudades são pombas mansas / A quem nós damos guarida
Paraíso de lembranças / Da mocidade perdida

Se a neve cai ao de leve / Sem mesmo haver tempestade
O cabelo cor da neve / Às vezes não é da idade
       
Pior que o tempo em nos pôr / A cabeça encanecida
São as loucuras d’amor / São os desgostos da vida

Para o passado não olhes / Quando chegares a velhinho
Porque é tarde, já não podes / Voltar atrás ao caminho