- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.170 LETRAS PUBLICADAS // 1.970.000 VISITAS // OUTUBRO 2020

Atingido este valor // Que me faz sentir honrado // Continuo, com amor // A ser servidor do fado.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 90 letras publicadas que nao constam do índice.

Caso encontre alguma avise-me, por favor.

Se não encontra o Fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

A nova Rosa da Mouraria

Letra e música de Marco Oliveira
Repertório de Tãnia Oleiro

De manhãzinha voltou a Rosa, sem dizer nada
Vinha sozinha e mais formosa, bem apressada
Parou na Rua do Capelão, onde esperava
O tal rapaz que há muitos anos a namorava

Ai quem diria
Que um dia a Rosa da Mouraria
Voltava àquela casa
No Largo da SeveraAi quem diria
Que a Rosa da Mouraria
Tinha a vida bem guardada
P'ra voltar a ser quem era

Viu sardinheiras e margaridas numa janela
Namoradeiras entristecidas à espera dela
Agora a casa tem o encanto que tinha outrora
Até a Rosa já prometeu não ir embora