- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Recordar os belos tempos

Maria de Lurdes Brás / Jaime Santos *fado latino*
Repertório de Maria de Lurdes Brás

Belos tempos que vivi naquela rua
Tu moravas naquele quarto alugado
Na travessa da palha onde fui tua
O destino marca a hora do meu fado

Estranha forma de vida a que Deus dá
Melhor era sermos sempre pequeninos
Que o amor de mãe, pecado não será
O fado errado dos nossos destinos

Eu vou àquela igreja para rezar
Que Deus perdoa a nossa ingratidão
Paro no Cais do Sodré para gritar
Na Ribeira, boa noite à solidão

Digo adeus à Mouraria e a Lisboa
Abraço a Júlia Florista com tristeza
Nos meus sonhos eu viajo de Canoa
De regresso à velha Casa Portuguesa