- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.170 LETRAS PUBLICADAS // 1.970.000 VISITAS // OUTUBRO 2020

Atingido este valor // Que me faz sentir honrado // Continuo, com amor // A ser servidor do fado.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que nao constam do índice.

Caso encontre alguma avise-me, por favor.

Se não encontra o Fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

Marcha da Casa da Mariquinhas

José Guimarães / Manuel dos Santos

Vim á Sé ouvir o fado e logo entrei
Na Casa da Mariquinhas
Ouvi o fado e cantei
E desta casa gostei

Mesmo sem ter tabuínhas

Uma guitarra, um xaile negro traçado
Bom ambiente, um silêncio, umas pinguinhas
O fado aqui tem mesmo sabor a fado
O Porto canta na Casa da Mariquinhas

Que no Norte não há fado, é maldizer
São ideias bem mesquinhas
Quem quiser venha cá ver

E terá fado a valer
Na Casa da Mariquinhas