- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.520 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Quem me vê

Aldina Duarte / Armando Machado *fado mortalha*
Repertório de Aldina Duarte

Quem me vê é que me tem
Diz no livro que me déste
Pelas páginas marcadas
As palavras sublinhadas
São promessas que esqueceste

Entretanto, na poesia / Sigo os passos do destino
Quem sabe se qualquer dia
Noutra vida, por magia / Eu te encontro ‘inda menino

Se de ti me vou lembrando / Entre os versos, quando canto
Não me importo que te cales
Eu em mim sei o que vales / No enredo do meu espanto

Num presságio muito antigo / Na fogueira arde o fogo
Se é verdade que me viste
Se o amor ainda existe / Que o adeus seja até logo