- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.590 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Sei-te

Mafalda Arnauth / Fernando Alvim
Repertório de Ana Laíns

Sei-te de cor como o sol em dia de calor
Que sossega tanta mágoa
Que anda comigo onde eu for
Sei-te maior que o adeus que nunca aconteceu
Se partir não tem lado melhor
Pois de que lado sou eu?

Não sou de cá, que esta margem não sustenta
Perdi a conta às vezes que ela me tenta
Dizer que um dia vai ter fim tanta tormenta
Que em qualquer lado hás-de estar, pra meu consolo

E então vou voltar à nossa casa
Vou beber dos nossos sonhos
Toda a vida que ficou à espera que eu seja a tua asa
Que te leve a viver mais uma vez
Em mim e no amor que me alimente
Não há margem que sustente este rio que iremos ser