Clicar na imagem !!!
* * * * *
As 5.235 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> POR FAVOR, alerte-me para qualquer erro que encontre <>
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *
* A seleção alfabética é da responsabilidade da blogspot !!!
-------------------------------------------------------------------------
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
* * * * *

Por um acaso

Aldina Duarte / José Marques *fado triplicado*
Repertório de Camané

Entendi que era verdade
Toda aquela claridade
A entrar pela janela;
Vi teus olhos a brilhar
Duma cor que vem do mar
E de todas a mais bela

Foi o encanto desse olhar
Que me fez acreditar / Na repentina verdade
Corri para porta da rua
E a vontade nua e crua / Era agora realidade

Eu por ti então tirei
As cortinas que fechei / Noutro tempo que vivi
Entre crenças nublosas
Tuas súplicas teimosas / Me juntaram mais a ti

Lembro esse dia distante
Em que só por um instante / Esqueci a cortina aberta
Afinal um esquecimento
Revelou num só momento / Toda a luz da descoberta