- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.580 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Calçada de Lisboa

José Madaleno Geraldo / Carlos da Maia *fado perseguição*
Repertório de Francisco Moreira *Kiko* 

São as cordas das guitarras
Que nos prendem como amarras
À história desta Lisboa
Não há pedra da calçada
Que não fosse já cantada
Desde Alfama à Madragoa

Não há parede nem esquina
De Lisboa, desde menina / Que não tenha ouvido o fado
Na voz sentida e sincera
Desde o tempos da Severa / Com saudades do passado

Não há estrela nem luar
Que não saiba já cantar / As letras desta canção
Com o silêncio, que é de ouro
A voz do fado é tesouro / Guardado no coração