<> Canal de rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça Fados

<> <> <>
As 5.850 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Temos encontro marcado

José Guimarães / Rezende Dias
Repertório de Florência

Como o encontro marcado / Vamos matar a saudade
Iremos cantar o fado / À noite, pela cidade

Iremos de braço dado / Numa ternura sem fim
Quando tu vais a meu lado / Sinto que há fado dentro de mim

Hé pá, olá, hé pá, vem cá
Anda comigo pró fado
Que o fado è sempre um feitiço
Fado castiço, triste ou chorado;
Antigo mas sempre novo
Fado è povo e è sempre fado

Neste meu jeito atrevido / No meu sorriso trocista
Na rosa do meu vestido / Tu verás que sou fadista

No nosso olhar encontrado / No beijo que me vais dar
No nosso encontro marcado / Novo fado vamos cantar