- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.530 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Voz do fado

Fernando Farinha / Casimiro Ramos *fado pinóia*
Repertório de Fernando Farinha 

Há quem afirme que o fado / Com voz, tem pouca intenção
Quanto a meu ver, o cantar / Só na voz tem tradução
No fado, ou qualquer canção / Seus fiéis cultivadores
Só nos mostram ser cantores / Vibrando num grito d'alma
Dizer é arte de talma
É domínio dos atores 

Há quem não tenha garganta / E dê ao fado, expressão
Mas a voz que se levanta / Tem muito mais coração
O hino d'uma nação / Estando ao coração ligado
Quando p'lo povo é cantado / É sempre com voz soante
Um hino, p'ra ser vibrante
Nunca pode ser falado 

O mesmo acontece ao fado / Que nasceu p'ra se cantar
E não p'ra 'star amarrado / Ao peito que o quer soltar
Cantar é saber vibrar / Com voz, com alma e ralé
Grito d'esperança e de fé / Bem arrancado do peito
Fado falado a preceito
Só o cantou Villaret