<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
Este espaço foi criado <> Com grande dedicação <> Por alguém que faz do fado <> A sua religião.

<> <> <>
As 5.850 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Garota da Mouraria

João Monge / Marco Oliveira
Repertório de Hélder Moutinho 

Onde vais de vestidinho e de cintura cingida
Deixas no ar, a quem passa, aquela esperança pequena
Ninguém sabe o teu caminho, quem te vai casar despida
Mas é tanta a tua graça que só isso vale a pena

Os teus olhos, precipícios
Onde eu caio de manhã
Lá longe, o mestre Vinicíus
Caiu pela tua irmã

Maria, Maria da Mouraria
Quem vai levar um dia
O teu peito a navegar;
Maria da Mouraria
Não dás amor a ninguém
És nossa e ninguém te tem
Foste feita para sonhar;
Maria da Mouraria
Tens tanta graça ao passar

Vais da pena dum poeta à voz louca de um cantor
Dás a volta ao mundo inteiro nessa beleza sem fim
És um coração com seta, que não dói nem faz ardor
És um amor sem carteiro e eu gosto de ti, assim