- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Meu ciume

Herculano Nogueira / João Alberto *fado glória*
Repertório de António Rocha

Alfama bairro velhinho
Do fado porto d’abrigo
Nele tracei o caminho
Que me fez cruzar contigo

Passei p’la rua onde moras / Vi-te à janela e sorri
Sorriste a todas as horas / Agora passo por ti

Digo amor, quando te vejo / E se aos outros causo inveja
É por ciumes do beijo / Que te hei-de dar na igreja

Até lá, volto a passar / Todos os dias por Alfama
Onde o fado foi morar / Com a mulher que me ama

Mas como sou ciumento / E te quero sempre a meu lado
No dia do casamento / Mandarei embora o fado