- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.500 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Teus olhos são dois garotos

Manuel de Almeida / Popular *fado mouraria*
Repertório de Manuel de Almeida 

Teus olhos são dois garotos
Cheios de mimo e de graça
Porque se metem na rua
Com toda a gente que passa

Deixa de preces, não rezes
Erguendo os olhos aos céus
Deus me perdoe, mas às vezes
Tenho ciúmes de Deus

Um lenço branco de neve
Acenando junto ao cais
Ou quer dizer; até breve
Ou quer dizer; nunca mais

Nesta triste despedida
Nem sei o que hei-de fazer
Levar-te não é possível
Deixar-te não pode ser