- - - - -

- - - - -
<> Clique na imagem e oiça Fado <>
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.650 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

O fado em nós

Amélia Muge / Francisco José Marques *fado zé negro*
Repertório de Pedro Moutinho 

Tão forte e tão inseguro
Vai à frente do futuro
E de lá olha p’ra nós
E mesmo se nos fugiu
A seu jeito se cumpriu
Este fado que há em nós

Tem o choro do nascer
Que marca o nosso viver / A pegada transparente
Que deixa um traço no espaço
Desta viagem que eu faço / Que é sempre, sempre presente

É irmão da dor, do pranto
Que nos desfaz no seu manto / Não há choro mais atroz
Ri de si em tom menor
É no fundo, um sedutor / Este fado que há em nós

E é fado que o fado tem
Tempo de sermos alguém / Mesmo que corra veloz
Traz o laço que nos prende
Áquilo que não se entende / Do outro lado de nós