- - - - - - - - - -

Canal de J.F.Castro em parceria com a Rádio Mira

Canal de J.F.Castro em parceria com a Rádio Mira
° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que não constam do índice. Caso encontre alguma avise-me, por favor.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.270 LETRAS PUBLICADAS /*/ 2.078.500 VISITAS /*/ MARÇO 2021

ATINGIDO ESTE VALOR /*/ QUE ME FAZ SENTIR HONRADO /*/ CONTINUO, COM AMOR /*/ A SER SERVIDOR DO FADO.

Pois mesmo desagradando // A "Troianos" maldizentes / Os "Gregos" vão apoiando // E vão ficando contentes

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Se não encontra a fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

fadopoesia@gmail.com

- - - - - - - - - - - - - - - -

Pesquisa.

No Jardim de Palhavã

Carlos Conde / Pedro Rodrigues
Repertório de Ana Rosmaninho

Nos jardins que emolduravam
O palácio sumptuoso
Dos grandes de Palhavã
Os convidados dançavam
Ao compasso harmonioso
Duma valsa de Chopin

Títulos de honra, ordens raras
E comendas realçando / Toda a elegância dos pares
Sedas finas, jóias caras
E luvas altas roçando / Casacas de titulares

Mas eis que alguém anuncia
Como suprema bizarra / Cesária, a nova Severa
E o grande João Maria
Para estreia da guitarra / Que D.Carlos lhe oferecera

Velaram-se os candeeiros
No salão nobre e doirado / Dos jardins de Palhavã
Correram os reposteiros
Fez-se silêncio, e o fado / Só terminou de manhã