- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Rádio apadrinhada pelo mestre RODRIGO

Rádio apadrinhada pelo mestre RODRIGO
CANAL DE JOSÉ FERNANDES CASTRO EM PARCERIA COM A RÁDIO MIRA

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Loading ...

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

* As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores *

<> 6.305 LETRAS <> 2.180.000 VISITAS <> JUNHO DE 2021 <>

* ATINGIDO ESTE VALOR /*/ QUE ME FAZ SENTIR HONRADO /*/ CONTINUO, COM AMOR /*/ A SER SERVIDOR DO FADO *

* POIS MESMO DESAGRADANDO /*/ A *TROIANOS* MALDIZENTES /*/ OS "GREGOS VÃO APOIANDO /*/ E VÃO FICANDO CONTENTES *

* NÃO ENCONTRA O FADO PREFERIDO? /*/ ENVIE, POR FAVOR, O SEU PEDIDO * fadopoesia@gmail.com

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

* NASCEU ASSIM... CRESCEU ASSIM... CHAMA-SE FADO // Vasco Graça Moura // Porto 03.01.1942 // Lisboa 27.04.2014 *

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Queria conhecer-te um dia

Letra e musica de Pedro da Silva Martins
Repertório de António Zamjujo

Quis eu saber mais sobre o amor
E as sua mais intricadas essências
Então fui à procura dessa tal palavra *amor*
E encontrei milhões de ocorrências

Quis saber um pouco mais de ti
Do corpo que esse teu perfil encerra
Numa apurada busca, depressa concluí
Há muitas mais Marias cá na terra

Maria... era assim que eu recebia
Ora prosa, ora poesia
Mil declarações d’amor
Maria... era como eu respondia
Queria conhecer-te um dia
E esse dia não chegou

Triste, fui tentar saber de nós
Da fonte de um desejo delicado
E então deparei-me com uma frase só
A procura teve *zero* resultados

O mal só podia estar em mim
Um motor de busca pesquisou-me
E ficou logo claro porque te sumiste assim
Há um tipo no Brasil com o meu nome