- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.580 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Fado das mágoas *F.Maria*

Letra e musica de Frederico de Brito
Repertório de Fernanda Maria

Eu nunca procurei o teu olhar
Foi ele quem buscou os olhos meus
Eu nunca fiz empenho em te encontrar
E nem sequer segui os passos teus

Agora já começo a entender
Não quero reviver a minha dor
Pois já falta coragem p'ra dizer
Adeus ao nosso amor

Sofre as mágoas e queixas / Sofre, que faz bem chorar
Só p'ra ver se tu me deixas / Eu passo a vida a cantar
E assim lavo do meu peito / O veneno desse olhar


Se alguém te for dizer que eu fui cruel
Tu faz esta pergunta, por favor
Pergunta se bebeu o amargo fel
Naquela taça d'oiro que è o amor

Tu sabes lá supor o que è viver
Com quem nos fez sofrer, nos fez penarE ouvir o coração sempre a dizer
Adeus, ao mesmo olhar