- - - - -

- - - - -
<> Clique na imagem e oiça Fado <>
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.685 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Olha-me rindo uma criança

Fernando Pessoa / Diogo Clemente
Repertório de Ricardo Ribeiro

Olha-me rindo uma criança
E na minha alma madrugou
Tenho razão, tenho esperança
Tenho o que nunca me bastou

Bem sei, tudo isto é um sorriso
Que é nem sequer sorriso meu
Mas para meu não o preciso
Basta-me ser de quem mo deu

Breve momento em que um olhar
Sorriu ao certo para mim
És a memória de um lugar
Onde já fui feliz assim