<> Canal de rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça Fados

<> <> <>
As 5.850 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

A saudade e o tamborim

Tiago Torres da Silva / José Luís Tinoco
Repertório de Cristina Nóbrega

Vem do mar de Ipanema a saudade e o tamborim
Uma onda, um poema que alguém escreveu p’ra mim
E sendo assim, talvez o carnaval não vá ter fim

Vem do mar de Lisboa a guitarra e a solidão
A cantiga que às vezes soa dentro do meu coração
E então, serei porta-estandarte da canção

Carnaval dentro de mim
Carnaval não vai ter fim

Vem do mar ou do grito que aprendi ouvindo Lemanjá
Vai levando pró infinito a pancada do meu ganzá
Mas será ? talvez eu diga que vou mas não vá