As 5.156 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores !!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
<> POR FAVOR, alerte-me para qualquer erro que encontre <>
<> Ninguém sabe tudo, ninguém ignora tudo, só todos juntos sabemos alguma coisa <> PAULO FREIRE
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Por motivos alheios à minha vontade, o motor de busca nem sempre responde satisfatóriamente *

* A seleção alfabética é da responsabilidade da blogspot !!!
* Caso necessite de ajuda envie a sua mensagem para: fadopoesia@gmail.com *
----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


A Rosa e o Narciso

Luísa Sobral / Marco Rodrigues
Repertório de Marco Rodrigues

Ele sai de casa para espairecer
Camisa rota e barba por fazer
Com uma meia preta e a outra azul
Sem saber bem onde fica o norte, o céu ou o sul

Já Rosa, é ela mesma a perfeição
Veste uma cor diferente por estação
Tem os livros arrumados por autor
E acorda mesmo sem o despertador tocar

Ninguém sabe como este amor nasceu
Entre uma rosa e a lua do céu
Como a Rosa ao ver a lua sorriu, cedeu
Mas ninguém duvida deste grande amor
Há até quem inveje o seu fulgor
É que afinal também ele tem nome de flor
Narciso

Às vezes ele quer dormir no chão
Diz que a coluna aprende a posição
Ela tem sempre os lençóis bem engomados
A condizer, as almofadas com bordado inglês