- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que não constam do índice. Caso encontre alguma avise-me, por favor.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.200 LETRAS PUBLICADAS // 2.028.600 VISITAS // Janeiro 2020

Atingido este valor // Que me faz sentir honrado // Continuo, com amor // A ser servidor do fado.

.

Mãos frias, coração quente

Augusto Gil / Elvira de Freitas
Repertório de Ada de Castro 

Mãos frias, coração quente
Quanta vez isto dizias
Com o teu ar sorridente
Aquentando-me as mãos frias

Agora decerto tenho / Num braseiro, num vulcão
O frio é tanto, é tamanho / Que a pena cai-me da mão

Queria dizer-te o que penso / E o que faço e premedito
Mas posso lá ser extenso / Com este frio, frio maldito

Tu perdoas certamente / Tu não te zangas, pois não?
Mãos frias, coração quente / 
Lá diz o velho rifão