<> Canal de rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça Fados

<> <> <>
As 5.850 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Vareira da praia

Fernando Barros / Farncisco José Marques *fado zé negro*
Repertório de Francisco Moreira *Kiko* 

Muitos anos se passaram
E no teu rosto deixaram
Marcas de uma geração
Começavas o teu dia
Quando ainda o sol dormia
Com a canastra na mão

Vê-se a vela da catraia
Que entretanto chega à praia / Com o peixe ainda a saltar
Junto às redes se abeira
A nossa linda peixeira / Para o peixe arrematar

Partia ainda cedinho
À cabeça com carinho / A canastra transportava
Pelas ruas e vielas
Iam-se abrindo as janelas / Quando o peixe apregoava

Já não existe a catraia
Teu olhar fica na praia / Onde está teu coração
Pobres ruas e vielas
Já não abrem as janelas / Para ouvir o teu pregão