- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.585 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Longe de tudo

Fernando Peres / Renato Varela *fado varela*
Repertório de Tristão da Silva

Distantes, já tão sós, longe de tudo
Sofrer saudade apenas por sofrer
Que o nosso amor morreu num grito mudo
Dum beijo sem ter alma p'ra viver

Àquela hora o amor foi só tristeza
Ciúme que nasceu na despedida
E nesse adeus de mim, uma certeza
De que contigo foi a minha vida

Distantes, já tão sós, que nem sequer
A ilusão duma esp'rança me conforta
Na tristeza maior de seres mulher
Já toda a madrugada è noite morta

Presos no mesmo abraço e tão distantes
Já tão longe de tudo, ainda mais sós
A saudade sem fim, desses instantes
Quer o teu coração e a minha voz