<> Canal de Rádio criado em homenagem a RODRIGO <>
Clique na imagem e oiça a Rádio Bocas do Fado

<> <> <>
Este espaço foi criado <> Com grande dedicação <> Por alguém que faz do fado <> A sua religião.

<> <> <>
As 5.850 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <>
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa.
Paulo Freire *filósofo* 1921 <> 1997

<> <> <>
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil <> Em caso de dificuldade não hesite em contactar <> fadopoesia@gmail.com

Chuva no mar

Arnaldo Antunes / Marisa Monte
Repertório de Caminho

Coisas transformam-se em mim
È como chuva no mar
Se desmancha assim
Em ondas a me atravessar

Um corpo sopro no ar
Com um nome p’ra chamar
È só alguém batizar
Nome p’ra chamar de nuvem, vidraça, varal
Asa, desejo, quintal
O horizonte lá longe
Tudo o que o olho alcançar e o que ninguém escutar

Te invade sem parar
Te transforma sem ninguém notar
Frases, vozes cores, ondas, frequências, sinais
O mundo è grande demais
Coisas transformam-se em mim
Por todo o mundo è assim
Isso nunca vai ter fim