- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que não constam do índice. Caso encontre alguma avise-me, por favor.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.240 LETRAS PUBLICADAS /*/ 2.053.000 VISITAS /*/ FEVEREIRO 2021

ATINGIDO ESTE VALOR /*/ QUE ME FAZ SENTIR HONRADO /*/ CONTINUO, COM AMOR /*/ A SER SERVIDOR DO FADO.

.

Aquele amor que vivi

Silveste José / Acácio Gomes *fado acácio*
Repertório de Maria do Rosário 

Aquele amor que vivi
Precocemente o perdi
Deixou-me pra sempre à espera
Foi uma bênção celeste
Neste mundo tão agreste
Tão bom como a primavera

Aquele amor que partiu
Nunca mais ninguém o viu / Destino, não mo recordes
Se este mundo amargurado
Sob a tristeza è cantado / Ainda escuto seus acordes

Aquele amor que è saudade
Vivido com intensidade / Não durou mais que uma hora
Tanto que havia a fazer
Tanto a dar e a receber / Deixou-me só, foi-se embora

Aquele amor que mais quero
Tanto que ainda o espero / Nos momentos de amargura
Dos beijos deixou-me o gosto
Na minha boca, no rosto / Deixou marcas de ternura

Aquele amor verdadeiro
Foi último mas foi primeiro / Ainda paira no meu leito
Dorme comigo a meu lado
Está comigo em cada fado / Que canto e que sai do peito