- - - - - - - - - -

Canal de J.F.Castro em parceria com a Rádio Mira

Canal de J.F.Castro em parceria com a Rádio Mira
° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que não constam do índice. Caso encontre alguma avise-me, por favor.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.270 LETRAS PUBLICADAS /*/ 2.078.500 VISITAS /*/ FEVEREIRO 2021

ATINGIDO ESTE VALOR /*/ QUE ME FAZ SENTIR HONRADO /*/ CONTINUO, COM AMOR /*/ A SER SERVIDOR DO FADO.

Pois mesmo desagradando // A "Troianos" maldizentes / Os "Gregos" vão apoiando // E vão ficando contentes

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Se não encontra a fado preferido // Envie, por favor, o seu pedido.

fadopoesia@gmail.com

- - - - - - - - - - - - - - - -

BARRA DE PESQUISA

Vou-te levando em segredo

Letra e musica de Tiago Bettencourt
Repertório de Pedro Moutinho

Devagar, os teus olhos foram ficando
Abrindo e fechando em abraços
Aos poucos por dentro uma luz clareando os teus passos
Agora já sabes o quanto te dobra
O lado errado do peito
Agora já sentes o quando me deixas desfeito

Sei que não dizes que trazes o medo
Mas posso guardar-te o segredo

Como dois barcos perdidos no tempo
Que juntam as velas e chamam o vento
Foste deixando as pontas dos dedos largar-te do porto
Agora já sonhas em navegar
Mais perto do dia que vemos
Agora é difícil em desdobrar o que temos

Sei que não dizes que gostas do medo
Vou desvendar-te o segredo

Agora já sabes o quanto nos quebra
Nos corre, nos cerca e dispara de perto
Agora já sentes o quanto o errado está certo

Sabes do perigo?... pode ser cedo
Vou-te levando em segredo