- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que não constam do índice. Caso encontre alguma avise-me, por favor.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.240 LETRAS PUBLICADAS /*/ 2.053.000 VISITAS /*/ FEVEREIRO 2021

ATINGIDO ESTE VALOR /*/ QUE ME FAZ SENTIR HONRADO /*/ CONTINUO, COM AMOR /*/ A SER SERVIDOR DO FADO.

.

Havemos de acordar

Letra e musica de Pedro da Silva Martins
Repertório de Ana Moura 

Canto o fado pela noite dentro, ele trabalha todo o dia fora
Corre tão veloz o tempo e chega apressada a hora
Ele suspira, sonolento: ó meu amor não vás embora

Feho os olhos pela noite fora, ele dorme pela noite dentro
De manhã não se demora, veste um casaco e sai correndo
E ouve a minha voz que implora: ó meu amor fica mais tempo

Eu hei-de inventar um fado, um fado novo
Um fado que me embale a voz e me adormeça a cantar
Eu hei-de ir nesse fado ao teu sonho
No meu sonho, e por fim sós, nele havemos de acordar

Vou sonhando pelo dia fora, ele trabalha pelo dia dentro
Não sei o que faz agora, mas ele talvez nese momento
Entre por aquela porta: ó meu amor fica mais tempo

Canto o fado pela noite dentro, ele trabalha todo o dia fora
Já o sinto nos meus dedos como um eterno agora
Será esse o nosso tempo: ó meu amor não vás embora