- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Canal de JOSÉ FERNANDES CASTRO em parceria com RÁDIO MIRA

RÁDIO apadrinhada pelo mestre *RODRIGO*

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
AS LETRAS PUBLICADAS REFEREM A FONTE DE EXTRAÇÃO, OU SEJA: NEM SEMPRE SÃO MENCIONADOS OS LEGÍTIMOS CRIADORES
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
ATINGIDO ESTE VALOR // QUE ME FAZ SENTIR HONRADO // CONTINUO, COM AMOR // A SER SERVIDOR DO FADO
POIS MESMO DESAGRADANDO // A TROIANOS MALDIZENTES // OS GREGOS VÃO APOIANDO // E VÃO FICANDO CONTENTES
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
6.525 LETRAS PUBLICADAS <> 2.552.800 VISITAS < > AGOSTO 2022
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Três santinhos populares

Ferrer Trindade / Rogério Bracinha
Repertório de Beatriz da Conceição


São três santinhos que velam pelo povo
São três amigos que temos para nós
A festa é santa, o povo canta
Lá vem de novo louvor em cada voz


Três santinhos populares
Cada qual com seu condão
Santo António nos casou
São Pedro, então, foi quem nos guardou
São João vem lá dos céus 

Nossos filhos batizar
Com três santos neste lar
A graça de Deus vem-nos visitar


É o povo em Junho, que canta pela rua
Pois cada bairro tem seus arraiais
Com manjericos e namoricos e a luz da lua
Faz nascer novos casais