- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Canal de JOSÉ FERNANDES CASTRO em parceria com RÁDIO MIRA

RÁDIO apadrinhada pelo mestre *RODRIGO*

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
AS LETRAS PUBLICADAS REFEREM A FONTE DE EXTRAÇÃO, OU SEJA: NEM SEMPRE SÃO MENCIONADOS OS LEGÍTIMOS CRIADORES
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
ATINGIDO ESTE VALOR // QUE ME FAZ SENTIR HONRADO // CONTINUO, COM AMOR // A SER SERVIDOR DO FADO
POIS MESMO DESAGRADANDO // A TROIANOS MALDIZENTES // OS GREGOS VÃO APOIANDO // E VÃO FICANDO CONTENTES
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
6.525 LETRAS PUBLICADAS <> 2.572.800 VISITAS < > SETEMBRO 2022
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Anda o sol na minha rua

David Mourão Ferreira / Fontes Rocha
Repertório de Amália

Anda o sol na minha rua
Cada vez até mais tarde
A ver se pergunta á lua
A razão porque não arde

Tanto quer saber por quê / Mas depois fica calado
E nunca ninguém os vê / Andarem de braço dado

Se me persegues de dia / À noite sempre me deixas
Não digas que é fantasia / A razão das minhas queixas

Só andas enciumado / Quando eu não te apareço
Mas se me tens a teu lado / Nem ciúmes te mereço

Anda o sol na minha rua / Cada vez até mais tarde
A ver se pergunta à lua / A razão porque não arde