<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>
Loading ...
<> <> <> <> <>
Vai certamente encontrar // Algumas incorreções /:/ Se quiser, pode ajudar // Com boas informações.

<> <> <> <> <>
As letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <> <> <>
A seguir aos índices encontrará uma lista aconselhável de FONTES de FADO !!!

<> <> <>

<> <> <>
5.680 Letras / 1.320.000 VISITAS // JULHO 2019

Canção do exílio

Manuel Alegre / António Portugal
Intérprete: António Bernardino


Eu vivo lá longe, longe / Onde passam os navios
Mas um dia hei-de voltar / Ás águas dos nossos rios
Eu vivo lá longe, longe

Hei-de passar nas cidades / Como o vento nas areias
E abrir todas as janelas / E abrir todas as cadeias
Eu vivo lá longe, longe

Hei-de passar a cantar / Pelas ruas da cidade
Erguendo na mão direita / A espada da liberdade
Eu vivo lá longe, longe