-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores dos temas aqui apresentados.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* 7.255 LETRAS <> 3.120.500 VISITAS * MARÇO 2024 *

. . .

Liberta-me, amor

Maria João Dâmaso / Armandinho *alexandrino do estoril*
Repertório de Beatriz da Conceição


Encontrei-me perdida no céu da noite escura
Aonde te inventei nas estrelas que não vi
A noite adormecida entornava ternura
No meu corpo sem lei, em meus braços sem ti

Enlaçou-me num afago, a sua imensidão
De silêncio maior que a nudez dos mortais
Como este que em mim trago, feito de solidão
Onde sobeja a dôr por não te saber mais

Gritei então o teu nome rompendo com o meu grito
O vácuo espelhado nas águas em quietude
O som desenterrou-me o meu amor aflito
Há muito sufocado cantou em voz mais rude