<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>
Loading ...
<> <> <> <> <>
Vai certamente encontrar // Algumas incorreções /:/ Se quiser, pode ajudar // Com boas informações.

<> <> <> <> <>
As letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <> <> <>
A seguir aos índices encontrará uma lista aconselhável de FONTES de FADO !!!

<> <> <>

<> <> <>
5.880 LETRAS // 1.500.000 VISITAS // DEZEMBRO 2019

Morreu um poeta

Rui Manuel / Vital d'Assunção
Repertório de Chico Madureira

Silêncio...

Hoje morreu um poeta
E a carne morreu esquecida
Como esquecida viveu
Silêncio...

Hoje morreu um poeta
Que espalhou rimas de vida
Nos poemas que escreveu


Fez rimar terra com pão / Emigrante com fronteira
E rimou humilhação / Com repulsa e bebedeira

Fez um terço de poesia
/ Bem na ponta dos seus dedos
Rimou dôr com alegria
/ E criança com brinquedos

Fez rimar ponte com rio / Pescador com tempestade
Rimou estiva com navio / Grilhetas com liberdade

Na inspiração maior
/ Que um verso pode conter
Rimou amor com amor
/ E ternura com mulher