<>-----<>-----<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>-----<>-----<>
Loading ...

5.915 LETRAS // 1.500.000 VISITAS // DEZEMBRO 2019

Valentim

Cancioneiro popular
Repertório de Amália

Adeus casa de meu pai / Adeus largo do quinteiro
Quero o Valentim ó laró laró /
Quero o Valentim ó laró meu bem
Adeus mocidade nova / Adeus vida de solteiro
Quero o Valentim ó laró laró /
Quero o Valentim ó laró meu bem

No tempo das desfolhadas / Lá na aldeia era um regalo
Quero o Valentim ó laró laró / Quero o Valentim ó laró meu bem
Era o tempo em que eu chegava / A casa ao cantar do galo
Quero o Valentim ó laró laró / Quero o Valentim ó laró meu bem

Adeus casa de meu pai / Adeus quarto da palhada
Quero o Valentim ó laró laró / Quero o Valentim ó laró meu bem
Era a cama onde eu dormia / Ao chegar de madrugada
Quero o Valentim ó laró laró / Quero o Valentim ó laró meu bem

Adeus pau de marmeleiro / Se ele falasse dizia
Quero o Valentim ó laró laró / Quero o Valentim ó laró meu bem
As pancadas que me deu / Quando eu chegava ao ser dia
Quero o Valentim ó laró laró / Quero o Valentim ó laró meu bem

Adeus também ao meu pai / Adeus vida de solteiro
Quero o Valentim ó laró laró /
Quero o Valentim ó laró meu bem
Agora é que eu reconheço / O valor do marmeleiro
Quero o Valentim ó laró laró / Quero o Valentim ó laró meu bem