- - - - -

- - - - -
<> Clique na imagem e oiça Fado <>
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.650 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Passeio fadista

Alberto Rodrigues / José António Sabrosa *fado pechincha*
Repertório de António Rocha

Vem comigo passear 
À noite, à luz das estrelas
Para veres as coisas mais belas
De Lisboa à beira-mar

Depois é só dar um salto / E como queremos dar brado
Ceamos no Bairro Alto / Ouvimos cantar o fado

Anda ver p'la vez primeira / A Madragoa das Trinas
E verás lindas varinas / A caminho da Ribeira

A Mouraria passou / Já nada tem para ver
Mas vamos lá reviver / Onde a Severa cantou

Vamos na Alfama acabar / Esta noite que vivi
Que é lá que eu quero cantar / O fado, só para ti