<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>
Loading ...
<> <> <> <> <>
Vai certamente encontrar // Algumas incorreções /:/ Se quiser, pode ajudar // Com boas informações.

<> <> <> <> <>
As letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <> <> <>
A seguir aos índices encontrará uma lista aconselhável de FONTES de FADO !!!

<> <> <>

<> <> <>
5.680 Letras / 1.320.000 VISITAS // JULHO 2019

Canto da fantasia

Letra e musica de Paulo Valentim
Repertório de Kátia Guerreiro

Como o grito de quem nasce num instante
Foi de negro que vieste meu amante
Foi de negro como a noite desse dia
Foi de pranto dessa boca à gargalhada
O sorriso que é a morte anunciada
Do carnaval do amor, a fantasia

E depois foi o canto, a romaria
E as festas da Senhora da Agonia
E tudo o que sonhei por seres quem és
Os beijos que inventei na tua boca
Os gemidos a rasgar a tua roupa
Os meus lábios a beberem as marés

Por isso eu te digo, Meu Senhor
Que esta fala não é pranto, não é dor
Nem vontade de prender ou de largar
É mostrar que sei de ti o que é preciso
P'ra transformar por fim num claro riso
Toda a cor que sei de cor do teu olhar