<> Existe um espaço de 20 segundos entre o começo do Fado e a sua identificação <>
Loading ...
<> <> <> <> <>
Vai certamente encontrar // Algumas incorreções /:/ Se quiser, pode ajudar // Com boas informações.

<> <> <> <> <>
As letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.

<> <> <> <> <>
A seguir aos índices encontrará uma lista aconselhável de FONTES de FADO !!!

<> <> <>

<> <> <>
5.680 Letras / 1.320.000 VISITAS // JULHO 2019

Chegas coradinha

Rosa Lobato Faria / Moniz Pereira
Repertório de António Pinto Basto

Sobre a blusa branca o xaile azul
Como quem nos ombros traz o céu
Abres a cancela ao vento sul
A morder a aba do chapéu

Chegas coradinha, talvez do calor / Chegas coradinha tal qual a romã
Chegas coradinha talvez seja amor / Chegas coradinha do ar da manhã;
Chegas tão bonita, cheiras a alecrim / És erva do monte, pedra no caminho
A roupa de chita, a pele de cetim / És água da fonte, flor de rosmaninho

Tal como a papoila do trigal
Tens poeira de oiro no perfil
Enrolaste o pão no avental
Apoiaste a cesta no quadril

Chegas coradinha talvez do calor / Chegas coradinha tal qual a romã
Chegas coradinha, talvez seja amor / Chegas coradinha do ar da manhã;
Chegas tão singela, tão cheia de sol / Bates á janela, p'ra dizer bom dia
És o meu poema, o meu lá bemol / Enches de alfazema esta nostalgia

Tens florinhas soltas de lilás
Na trança que teima em desmanchar
És a melhor fruta do cabaz
A mais sumarenta do pomar