- - - - -

- - - - -
<> Clique na imagem e oiça Fado <>
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.700 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Nó de laçada

Rosa Lobato Faria / Rui Veloso
Repertório de Tony de Matos

Vieste como quem sabe
Que è esperada p'ra jantar
E eu, que já era tarde
Comecei a madrugar

Vieste como quem reza  / O refrão de uma cantiga
E a minha voz ficou presa / No teu ar de rapariga

Fui aurora no teu beijo / Manhã na tua cintura
Poente no teu desejo / Noite na tua ternura

Fui corpo no teu sorriso / A teus pés fui coração
Fomos ambos paraiso / Somos ainda paixão

Mudamos a nossa estrada / E os dedos meus e teus
Deram o nó da laçada / 
Não sabem dizer adeus