- - - - - - - - - -

- - - - - - - - - -
- - - - - - - - - -

° Caro visitante, existe 1 minuto de interregno entre a identificação dos intérpretes °
Loading ...

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Existem (pelo menos) 80 letras publicadas que não constam do índice. Caso encontre alguma avise-me, por favor.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6.240 LETRAS PUBLICADAS /*/ 2.053.000 VISITAS /*/ FEVEREIRO 2021

ATINGIDO ESTE VALOR /*/ QUE ME FAZ SENTIR HONRADO /*/ CONTINUO, COM AMOR /*/ A SER SERVIDOR DO FADO.

.

Nobre vadio

Edgar de Castro Tavares / Eurico Machado
Repertório de Edgar Tavares 

Anda pelas ruelas de má fama
E põe os corações em sobressalto
Entoa na velhinha e linda Alfama
Ouve-se com fervor no Bairro Alto

Fala de amor, de sonho e de paixão
É alimento para a fome do meu povo
Chora com o ciúme e a traição
O fado ainda está muito novo


O fado, esse nobre vadio
Tão profundo e sadio
Leva uma vida bizarra
Aquece o seu coração frio
E aceita o desafio
No amor duma guitarra

Com ela passa a vida de mão dada
Vê-los assim juntinhos, até encanta
Quando ela está feliz ou magoada
Na mão dum guitarrista, chora ou canta

Vivem um amor afadistado
Passeiam sempre os dois com altivez
E quem um dia ouvir o fado
Ouve um fadista, uma guitarra, um português