- - - - -

- - - - -
Clique na imagem e oiça Fado
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.580 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

Cinco quadras ao gosto popular

Fernando Pessoa / Jaime Santos *fado alfacinha*
Repertório de Duarte

Cantigas de portugueses
São como barcos no mar
Vão de uma alma para outra
Com riscos de naufragar

Dias são dias, e noites / São noites e não dormi
Os dias a não te ver / As noites pensando
em ti

Tenho
vontade de ver-te / Mas não sei como acertar
Passeias onde não ando / Andas sem eu te encontrar

Quero lá saber por onde / Andaste todo este dia
Nunca faz bem quem s’esconde / Mas onde foste, Maria?

Quando a manhã aparece / Dizem que nasce alegria
Isso era se ela viesse / Até de noite era dia