- - - - -

- - - - -
<> Clique na imagem e oiça Fado <>
- - -
Ninguém ignora tudo, ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa, todos nós ignoramos alguma coisa. Por isso aprendemos sempre
PAULO FREIRE *filósofo* 19.09.1921 / 02.05.1997
- - - - -
As 5.700 letras publicadas referem a fonte de extração, o que nem sempre quer dizer que os artistas mencionados sejam os seus criadores.
- - - - -
Use o motor de busca *barra de links* para pesquisa rápida e fácil.

O fado é vida

António José / Ferrer Trindade
Repertório de Fernanda Maria

O fado é irmão do povo / Já de longa tradição
Mas se veste um fato novo / Pode fazer um vistão

Não é preciso ser nobre / Não é preciso riqueza
Porque a casinha dum pobre
Nem sempre se cobre  / De dor e tristeza

Nem só de falsas ternuras
E mil amarguras, ciúme ou pecado
Nem só nas tristes guitarras
Ou velhas samarras encontras o fado
Está sempre dentro da gente
E diz o que sente sem mágoa fingida
Está numa hora sombria
Que depois fica esquecida
Noutra hora de alegria o fado é vida

O fado é aquele segredo / Que não tem morada certa
Pode chegar tarde ou cedo / Que tem sempre a porta aberta

Está no virar duma esquina / Em tudo busca guarida
Tantas coisas nos ensina
E a todos domina  / Porque o fado é vida