-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
As letras publicadas referem a fonte de extração, ou seja: nem sempre são mencionados os legítimos criadores dos temas aqui apresentados.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* 7.350' LETRAS <> 3.257.500 VISITAS * MAIO 2024 *

. . .

À distância

Carlos Leitão / Jorge Fernando
Repertório de Carlos Leitão 

Na distância que me deixa sem te ver
Há a saudade a sufocar-me sem gritar
O sangue quer correr mas já não corre
O dia quer morrer mas já não morre

Porque ao cantar 
Seremos sempre a sede eterna
Do meu corpo por te amar

Não sei ser apenas eu
Escreverei as cartas vãs em alma nua
Não sei ser apenas eu
A chuva certa e o teu nome pela rua

E como não sei ser apenas eu
Deixa-me a distância, meu amor
Pois só assim 
Te sei mentir como estou bem
Chorar-te o meu sorriso
Como se fosse preciso
Chamar-te amor
Como não sei chamar a mais ninguém